Lançados os editais para Modernização de Bibliotecas e Agentes de Leitura

Na presença do secretário de Estado da Cultura, Assis Brasil, e da coordenadora da Regional Sul do Ministério da Cultura, Margarete Moraes, a Secretaria da Cultura lançou, na tarde dessa sexta-feira (06), dois editais para o setor do Livro e Leitura. O evento ocorreu no Mercado Público de Porto Alegre, dentro da programação da I Festa da Leitura.

O total de recursos é de R$ 3,7 milhões para a modernização de 150 bibliotecas públicas municipais, a partir do programa Biblioteca Viva RS,  e R$ 1,78 milhão para Agentes de Leitura, dentro do programa RS Mais Igual.

 

Parceria com MinC resulta em ações concretas para a cultura do RS- Foto: Niruana Satie

 

Assis Brasil fez um resumo dos convênios firmados com o MinC que possibilitam a implantação de projetos de políticas públicas para a cultura alinhados com a política nacional. “A leitura é a base de tudo. Estas iniciativas do Ministério da Cultura no setor do Livro e Leitura, que estamos aderindo aqui no estado, são apenas duas das tantas que estamos fazendo em conjunto. Estamos começando a recuperar a cultura enquanto ação política do estado”.

Margarete Moraes homenageou Clô Barcelos e o Clube dos Editores pela primeira Festa da Leitura em Porto Alegre e também destacou a  parceria entre os governos estadual e federal.  “O Ministério da Cultura sente muito orgulho da parceira com a Secretaria de Estado da Cultura, pois em tão pouco tempo já temos tantas ações e uma expressão muito clara de uma política pública para o livro, a leitura e a literatura. A leitura constituí cidadania como  um elemento de paz.”

Modernização de Bibliotecas

O secretário Adjunto da Cultura, Jéferson Assumção, fez uma apresentação detalhada dos editais lançados. “As bibliotecas de hoje precisam ser vistas como centros culturaise a partir do ponto de vista de sua programação. Devem ser espaços dinâmicos e acolhedores com acervos atualizados nos mais diversos meios e atualizados com as novas tecnologias”, disse.

Dentro desta visão o edital para a modernização de bibliotecas públicas municipais contempla a compra de acervo (livros, revistas etc), mobiliário e computadores. Os candidatos devem obedecer os requisitos de:  promoção da leitura;democratização do acesso;  formação de mediadores de leitura; valorização da leitura e da informação; envolvimento e participação da comunidade;fomento à produção, ao intercâmbio e à divulgação de informações; e estímulo à formação de redes sociais e culturais e à acessibilidade de forma geral.

Os recursos serão distribuídos de acordo com a população dos municípios:

 

Mais informações no Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas -  e-mail: sebp@sedac.rs.gov.br , no blog:  sebprs.blogspot.com,  ou pelo  telefone (51) 3225-1124

Agentes de Leitura

O edital para Agentes de Leitura tem recursos de R$ 1,78 milhão, também por meio de convênio entre MinC e Sedac, e concede 220 bolsas de complementação de renda, no valor mensal unitário de R$ 350,00. Podem candidatar-se jovens e adultos, entre 18 e 29 anos, com habilidades para a ação e difusão cultural.

O processo de seleção consistirá em 3 fases:

Habilitação – análise da documentação e enquadramento        nos critérios para aquisição de bolsa;
Avaliação de Conhecimentos – realização de prova escrita      e avaliação de leitura oral;
Análise de currículo e entrevista

Esses agentes de leitura atuarão no âmbito de suas comunidades com o intuito de colaborar com o desenvolvimento humano, por meio do acesso aos bens e serviços culturais em municípios e comunidades do Estado do Rio Grande do Sul identificados segundo critérios de baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

Mais informações na diretoria de Cidadania Cultura da Sedac: cidadania-cultural@sedac.rs.gov.br e pelo telefone (51) 3228-7520

Também estiveram presentes no lançamento dos editais o coordenador do setor do Livro e Leitura de Porto Alegre, Márcio Pinheiro,  representantes dos municípios da Região Metropolitana, o diretor de Cidadania Cultural da Sedac, Marcelo Azevedo, a diretora do Instituto Estadual do Livro, Lais Chaffe e a editora Clô Barcelos, organizadora da  I Festa da Leitura de Porto Alegre.

Texto: Asscom Sedac