Participe dos editais do Fundo de Apoio à Cultura 2013

 

fac

A Secretaria de Estado da Cultura aposta no crescimento do Fundo de Apoio à Cultura (FAC), mecanismo de fomento direto e democrático do Pró-cultura RS, para estimular todos os setores e etapas que envolvem os processos criativos nas diversas regiões do estado. Por isso, lança em 2013 mais sete editais que repetem a fórmula de sucesso de 2012 e somam R$ 10 milhões de investimento em cultura.

Os editais do FAC contemplam a diversidade cultural, a formação de plateias, o desenvolvimento de competências, a economia da cultura e as artes em geral, além de estimular a programação continuada em espaços municipais e a pesquisa. Artistas, produtores, pesquisadores, ativistas culturais e gestores públicos podem mais uma vez acessar o financiamento do FAC e tirar suas ideias do papel.

Não se esqueça que para acessar o FAC é necessário estar cadastrado no Sistema Pró-cultura RS. Agora o Cadastro Estadual de Produtor Cultural é totalmente eletrônico. Para a inscrição de novos produtores culturais, após o registro feito na página do Pró-cultura RS no menu Novo cadastro, devem ser anexados os documentos relativos ao CEPC diretamente no espaço do proponente (que antes precisavam ser impressos e entregues na Secretaria de Estado da Cultura). E se você é do interior do estado, mais um estímulo: os editais do FAC reservam vagas para projetos de fora da capital.

Confira e participe!

 

Edital FAC de Desenvolvimento da Economia da Cultura

 

Para sociedade civil – R$ 4 milhões

Inscrições até 7 de novembro

Acesse o edital completo

 

Para Prefeituras – R$ 1 milhão

Inscrições abertas até 24 de outubro

Acesse o edital completo

Estes editais, ao invés de determinarem áreas culturais, propõem que cada segmento encaixe seu projeto em uma das finalidades do processo criativo. Assim, reforçam conceitos contemporâneos de cultura nos quais as fronteiras entre áreas estão diluídas e permitem o enraizamento da Economia da Cultura no Rio Grande do Sul.

Veja em qual finalidade seu projeto se enquadra e participe do edital que já selecionou mais de uma centena de projetos inovadores em 2012: Apoio à Criação e Produção; Apoio ao Registro e à Memória; Apoio à Difusão e à Circulação; Apoio à Programação Continuada em Espaços Culturais e Apoio à formulação de Indicadores, Informação e Qualificação.

 

Edital FAC Rio Grande do Sul Polo Audiovisual - minisséries e documentários para TV

Prêmio Histórias do Sul – 4 minisséries e Documenta Rio Grande – 12 documentários.

R$ 1,26 milhão

Inscrições até 19 de novembro

Acesse aqui o edital completo

O FAC Rio Grande do Sul Polo Audiovisual é destinado a quem possui Cadastro de Produtor Cultural como pessoa jurídica. O edital pretende provocar e promover experiências criativas e inovadoras na área do audiovisual para todos os tipos de público; impulsionar a criação autoral e de linguagem no audiovisual do Rio Grande do Sul e qualificar a programação oferecida em televisão aberta através de documentários, minisséries e curtas-metragens. Os projetos aprovados devem ser inéditos e vão compor a programação da TVE a partir de 2013.

 

Edital FAC Rio Grande do Sul Polo Audiovisual – finalização de longas metragens

R$ 1 milhão

Aguarde período de inscrições

O FAC Rio Grande do Sul Polo Audiovisual – finalização de longas metragens vai impulsionar mais uma vez a produção de longas gaúchos nos cenários nacional e internacional.

 

Edital FAC das Artes

R$ 1,6 milhões

Aguarde período de inscrições

Destinado às áreas do audiovisual, circo teatro e dança, artes visuais e música, o edital terá inscrições abertas até o final de 2013 para selecionar projetos culturais de pessoas físicas ou jurídicas. Os projetos inscritos devem ter em mente requisitos como o de fomentar o desenvolvimento de atividades artísticas e promover experiências estéticas, criativas e inovadoras e a pesquisa autoral e de  linguagens, incentivar o desenvolvimento de novas linguagens, o intercâmbio de ideias, a inovação e a convergência entre arte e tecnologia e valorizar a diversidade artística do Rio Grande do Sul, bem como os talentos locais e regionais.

 

Edital FAC Modernização de Museus

R$ 500 mil

Aguarde período de inscrições

Aqui, são selecionados projetos de prefeituras para qualificar instituições museológicas que receberão financiamento do Pró-cultura RS. Esses museus devem estar inscritos no Sistema Estadual de Museus e/ou no Sistema Brasileiro de Museus.  Serão apoiados projetos que se destinem a realizar ações e estudos estratégicos para modernização da instituição; desenvolver e/ou manter programações culturais regulares; ampliar o acesso e a formação de público; preservar, conservar e/ou documentar acervos; realizar atividade editorial e/ou curatorial; capacitar funcionários e monitores; adaptar, reaparelhar e modernizar museus; adaptar espaços e serviços para acessibilidade; difundir, divulgar e promover a instituição. projetar e/ou executar obras de restauração das estruturas.

 

Edital FAC de Apoio a Processos Culturais Colaborativos

R$ 500 mil

Aguarde período de inscrições.

Um dos editais mais inovadores lançado pela Secretaria de Estado da Cultura vai selecionar projetos de pessoas jurídicas, com ou sem fins lucrativos, para a formação de redes de agentes culturais e articulação de processos  culturais colaborativos. A intenção é desenvolver processos colaborativos que contemplem alternativas criativas e inovadoras de produção, distribuição e formação cultural; promover conexões entre manifestações de diferentes áreas culturais e/ou diferentes regiões do Estado, do Brasil e do Mercosul e estimular a sustentabilidade dos processos, fortalecendo uma malha de agentes culturais capaz de favorecer a sua continuidade.

Fundo de Apoio à Cultura financia mais de 150 projetos no RS

 

Editais lançados no último ano garantiram investimento recorde em financiamento direto para a cultura gaúcha

É importante grifar que o Fundo de Apoio à Cultura (FAC), estabelecido por lei em 2001, só contava com um único edital lançado em dezembro de 2010 que distribuiu um valor total de R$ 880 mil reais. Mas a história do FAC começou a mudar em abril de 2012, quando o governador Tarso Genro anunciou investimento de R$ 10 milhões para o Fundo, em evento que lotou o Teatro Bruno Kiefer da Casa de Cultura Mario Quintana e emocionou o público presente. Os sete editais lançados então contemplaram mais de 150 projetos em todas as áreas da cultura. Em 2013, são mais R$ 10 milhões em um novo pacote de editais.

Acompanhe aqui o andamento dos editais.

 

Edital FAC de Desenvolvimento da Economia da Cultura

Nos editais de Desenvolvimento da Economia da Cultura (destinados a prefeituras e à sociedade civil), a seleção de projetos de todas as áreas aconteceu de acordo com cinco finalidades: Apoio à criação e Produção; Apoio ao Registro e à Memória; Apoio à Difusão e à Circulação; Apoio à Programação Continuada em Espaços Culturais e Apoio à formulação de Indicadores, Informação e Qualificação.

O edital destinado a prefeituras está em fase de realização de projetos e contou com um total de 47 inscritos e 23 contemplados. São atividades de interesse público em todas as regiões do estado, como o grupo musical “Estúpido Cupido”, formado essencialmente por professores da rede municipal de ensino do município do Vale Real. Entre os eixos temáticos desenvolvidos pelo projeto estão oficinas de Instrumentalização Musical; de Canto e Técnica Vocal; de Pesquisa, composição de enredo e Preparação de Atores/Oficina de Artes Plásticas e de Dança e Coreografia.

Também foi contemplado o projeto “Som da Cidadania”, que integra crianças e adolescentes de 6 a 17 anos residentes nos mais variados bairros de Quaraí. Os participantes tem a oportunidade de interagir com oficinas de canto, violão, sopro e dança. Em terceiro lugar, o projeto “Resgatando as Artes Cênicas – 1º Edição” resgata a memória afetiva de Antônio Prado em relação ao teatro, valorizando um dos legados culturais da cidade, com oficinas, espetáculos, exposição e seminário.

O edital de Desenvolvimento da Economia da Cultura destinado a Sociedade Civil atingiu o número de 299 projetos inscritos. Foram contempladas ideias como o projeto “Qual é a cor da África?” que garante formação cultural com aulas de percussão e dança afro. “Um ipê para Manoela” destaca-se por trabalhar as diversas formas de leitura. O projeto “Brique da Redenção – Resistência e Diversidade Cultural” está entre os quase 90 contemplados e realiza um levantamento histórico sobre a feira mais tradicional da capital gaúcha, onde todas as tribos têm encontro marcado aos domingos.

 

Edital FAC de Apoio à Programação em Feiras de Livro

O edital contou com 34 cidades inscritas. As 10 contempladas foram Bom Jesus, Capitão, Getúlio Vargas, Tupandi, Salvador do Sul, São Pedro do Sul, Santo Antônio da Patrulha,  Sobradinho, Soledade e Taquara.

 

Edital FAC Rio Grande do Sul Polo Audiovisual - minisséries e documentários para TV

A Secretaria de Estado da Cultura, juntamente com a Diretoria da Economia da Cultura e com o Instituto Estadual do Cinema (Iecine), em parceria com a Secretaria de Estado da Comunicação e Inclusão Digital e com a Fundação Cultural Piratini – Rádio e Televisão (TVE), selecionaram 16 projetos inéditos de produção audiovisual independente.

Na categoria “Prêmio Histórias do Sul”, ficou em primeiro lugar o projeto “Música gaúcha e brasileira: uma série sobre os últimos 100 anos da música de Porto Alegre”, que aborda as histórias, ritmos e personagens da música produzida no Rio Grande do Sul, desde os primórdios até os dias de hoje, abrangendo mais de cem anos de estilos e escolas musicais.

 

Edital FAC Modernização de Museus

O edital FAC dos Museus tem como objetivo selecionar projetos de prefeituras para qualificar instituições museológicas que receberão financiamento do Pró-cultura RS Fundo de Apoio à Cultura – FAC. A edição de 2012 teve 21 cidades inscritas e 10 contempladas. As escolhidas foram: Tupandi, Lajeado, Santa Maria, Rosário do Sul, Gaurama, Sobradinho, Canoas, São Pedro da Serra, Antônio Prado e Nova Petrópolis. As cidades de Antônio Prado e Nova Petrópolis já foram conveniadas, as outras 8 estão com o convênio em andamento.

 

Edital FAC de Apoio a Processos Culturais Colaborativos

O edital FAC de apoio a processos culturais colaborativos tem como objetivo a seleção de projetos para a formação de redes de agentes culturais que desenvolvam processos colaborativos e promovam conexões entre manifestações de diferentes áreas culturais. O edital teve 14 projetos inscritos, sendo 5 contemplados. Os três primeiros foram o Birô de Empreendedorismo Cultural, Nós da Rede e Cultura e Arte – Empreendimentos Colaborativos.

PRÓ-CULTURA RS

Para saber mais consulte atentamente o Manual de Cadastro Estadual de Produtor Cultural e a IN 04/2013.

 

Diretoria de Economia da Cultura / Secretaria de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul

Centro Administrativo do Estado: Av. Borges de Medeiros 1501, 19o andar – CEP 90119-900 – PORTO ALEGRE – RS Telefone: (51) 3288.7523 - 

 

Atendimento segunda a sexta-feira, das 11h às 12h e das 15h às 17h.

 

Informe-se sobre financiamento, programação, novas ações e fique por dentro do dia-a-dia da Cultura emwww.cultura.rs.gov.br